Categorias
blog

(re)Começar de novo…

Não voltou a passar um ano sobre a última entrada. Quase.

Entretanto os “weblogs” ganharam uma visibilidade quase pornogrófica. À pressa, revi o conteúdo destas páginas e decidi se ficavam ou não on-line.
Ficam (para já), por serem tão poucas as linhas gastas.
E ficam para cumprir o mesmo destino original: forçarem a disciplina de dizer o que faço e para quê e a disponibilidade de me expôr ao ridículo de não cumprir as expectactivas.
Que expectactivas? As que imagino nas cabeças das personagens que quotidianamente julgam os caminhos que vou tomando.

Entretanto, estão por cá “novos” bloggers. Se em Maio, era o weblog do Pedro Aniceto que me fazia “começar de novo”, agora é o weblog do meu pai, O Lado Esquerdo, que me faz repensar tudo isto.
Muito mais que as aventuras “bloggísticas” do Pacheco Pereira, ou os escândalos recentes do agora off-line, “Muito Mentiroso”, é a persistência do Arsélio Martins que me faz acreditar que estes exercícios de disciplina são, de facto, sãos.

Infelizmente, não é verdade que “quem sai aos seus, não degenera”.
Talvez só haja verdade naquela outra versão que diz que “quem sai aos seus, não é de Genebra”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.