Categorias
cidade porto

eu imPORTO-me

Cartaz do eu imPORTO-me

É verdade: eu imPORTO-me. Tanto que deixei de viver no Porto. Sou fraco, confesso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.