Web Designer: dar ou não dar o benefício da dúvida

Comprei o nº 1 da nova revista da Enjoy (editora da iCreate), de seu nome Web Designer. Já a devem ter visto nas bancas: é aquela que tem um grande destaque ao YouTube na capa.

Como a iCreate está mesmo a demorar algum tempo a convencer-me (os atrasos nesta última edição não ajudaram), posso ter abordado esta nova publicação com alguma desconfiança. Mas há algumas coisas que parecem mesmo mal:

  1. em www.web-designer.pt, onde deviam estar conteúdos acessórios à revista (anunciados na capa), ainda não há nada
    Site da Web Designer off-line?
    Num “whois”, temos como resultado da pesquisa por: web-designer.pt

    Data Submissão: 07/12/2007 (um bocado em cima da hora, não?)
    Estado: RESERVED (não devia ser ACTIVE?)

    Titular: Enjoy,SA

    Nameserver Information:  (está mesmo em branco)

  2. Este número da revista concentra-se em vídeo e Flash, e não se nota grande esforço de pensar um primeiro número português, de carácter introdutório, que acautele uma possível visão abrangente do Web Design
  3. Os ícones das aplicações da Adobe (Dreamweaver, Flash e Photoshop) na capa e partes do miolo sugerem uma abordagem muito centrada em (determinadas) ferramentas e muito pouco em processos
  4. Numa primeira leitura rápida deparei-me com algumas falhas de tradução e/ou revisão e acho que algumas imagens estão fora do sítio (repetidas em artigos a despropósito)

Podia continuar a apontar defeitos e, provavelmente deveria apontar algumas virtudes, para ser justo, mas acho que este primeiro número da revista é mesmo um acto falhado. A questão do site bastava, na minha opinião, para exigir um pedido de desculpas e querer o dinheiro de volta.

Provavelmente aparecerá alguém a jogar a cartada do “é melhor que nada e, se não apoiarmos, depois não nos podemos queixar da pobreza do universo editorial”. Desculpem lá, mas para esse peditório já dei. Várias vezes.

136 pensamentos em “Web Designer: dar ou não dar o benefício da dúvida

  1. acho que já perdi a vontade de comprar a revista. obrigado pela review à revista, venha de lá o número 2.

  2. Também comprei a revista e deparei-me com o problema do website. É uma pena terem feito isto muito em cima do joelho. Além do mais, não sei se voltarei a comprar a revista, pois está com um preço muito elevado e se quisermos fazer lá publicidade é um absurdo. Coloquem Adsense no website para rentabilizar a revista e baixar o preço, para que mais pessoas tenham acesso.

    Vamos ver o que o futuro nos reserva… :-)

  3. Eu já estava um bocado desconfiado dessa revista, agora estou mais ainda. pode ser que o site se torne interessante com o passar do tempo.

  4. @Pedro Aniceto: eu peço desculpa, mas estava desconfiado porque a iCreate, também da Enjoy, me deu razões para desconfiar. Uma transferência de desconfiança “injusta”, se quiseres, mas que se justifica, no final.
    Parte das fragilidades da “Web Designer” são, na minha opinião, fragilidades também da iCreate e de qualquer publicação que seja pouco mais do que a tradução de uma publicação estrangeira.
    Mas o que na iCreate se vai resolvendo melhor ou pior, também por empenho da comunidade de utilizadores Mac e dos seus mais ilustres representantes (não é, Pedro?), na Web Designer foi completamente descurado e a publicação, na minha opinião (e depois de reler algumas coisase analisar com cuidado), é um flop.
    É um termo forte e reservo-me o direito de repensar isto, de acordo com a evolução nos póximos números e do site, mas é a minha opinião mais sincera.

  5. Já respondes pelos teus leitores? :) Deixa-me “aterrar” (cheguei agora do Funchal) e já tento organizar uma leitura atenta. Abraço

  6. Também eu manifestei desconfiança relativamente ao número 1.
    Não fosse dar-se o caso da tua pergunta não se dirigir apenas aos leitores…

    Aterra, descansa e entra em “modo de espírito natalício”.

    Abraço,

    João Martins

  7. Boa tarde,
    Depois de ter tido o trabalho de fazer uma pesquisa na net, para encontrar alguém que falasse sobre esta revista, finalmente tirei todas as minhas dúvidas!
    O nº1 não cheguei a apanhar, mas adquiri o nº2 pelo que estava entusiasmada por haver uma revista sobre webdesign em português. Logo no dia em que a comprei, fui à procura das ofertas que mencionam e que podemos adquirir no site. Logo aí fiquei desmoralizada, onde estavam todas essas ofertas? Ok, pensei eu que teriam esquecido de adicionar ao ficheiro .zip que disponibilizam… enviem um email dia 10 de Fevereiro para webdesigner@web-designer.pt e recebi a devolução do mesmo em que dizia que este endereço não existe!! simplesmente neste email fazia um elogio e perguntava como podia adquirir o nº1… enviei outro email no dia 15 com o subject “reclamação” para filipa.ferreira@web-designer.pt, joaquim.bandeira@web-designer.pt, e novamente o endereço anterior (que veio uma vez devolvido) e mais uma vez nada, até hoje ninguém respondeu… ora isto dá para pensar “publicidade enganosa???”
    Hoje, dia 17 de Março, procurei no site se já tinha saído o nº3 e pareceu-me que não… já procurei nas bancas e nada! que se passa gente? afinal há ou não revista??? colocam ou não coisas no site?? que raio, são estas coisas que fazem uma pessoa desistir!! acho que já nem vou perder mais tempo. Cumprimentos, Vanda Nascimento.

  8. Bom dia a todos!
    Confesso que acho estranha a forma de funcionamento da Web Designer… fiz uma assinatura de 1 ano em novembro, e apenas recebi a primeira edição em janeiro, já deste ano. Confesso que achei a revista demasiado fraca comparativamente com outras edições que existem no mercado, nomeadamente a Photoshop Advanced (edição portuguesa). Um mês mais tarde, recebi a segunda edição… fui logo ao site para ir buscar os ficheiros complementares e deparo que muito do que é anunciado na revista não se encontra online… fui consultando várias vezes o site à procura dos restantes ficheiros mas sempre sem sucesso… o mês passado, deveria ter recebido o número 3… mas o mês passou e nada! Contactei a revista via e-mail e nem resposta houve!? Pensei logo o pior, até que na mailing list apple alguém falou que o mesmo se estava a passar com a iCreate… ontem finalmente apareceu o tal número 3… Achei esta até mais interessante mas novamente fui procurar os ficheiros e nada… Hoje lembrei-me de ir ao site da edição inglesa e encontrei os tais ficheiros e fiquei a saber que andamos a receber traduções das revistas com 5 meses de atraso… Neste momento, sinto algum arrependimento por ter feito a assinatura da revista… Acho que funciona um pouco mal, para ser simpático! Cumprimentos, GM

  9. @pedro aniceto: (atrasadamente) desconfia-se de um nº1 de uma revista quando ela tem um nome obsceno a nível de marketing (por amor de deus: “webdesigner”?!?!? acho que so seria pior se se chamasse web2.0) e quando, depois de ter um nome desses o tema de capa é algo tão batido como o youtube.

  10. Alguém que tenha feito assinatura recebeu a oferta indicada?

  11. Não assinei a WebDesigner, nem renovei a assinatura da iCreate, mas já li uma grande quantidade de reclamações sobre essa questão das ofertas, em listas de correio de que faço parte.
    Reclame. Reclame sempre.

  12. Ainda hoje me perguntava… o que será feito da webdesigner? Fiz uma assinatura por um ano (10 edições) e só recebi 3… a ultima das quais em abril ou maio… Segunda-feira vou ligar para lá a pedir a devolução da quantia que paguei…

  13. Eu bem achava estranho este atraso…passo a explicar. Fiz assinatura durante 2 anos, é verdade, foi logo em “cheio”! Foi no mês de Julho (mês passado e nos inicios) e pedi expressamente que me começassem a enviar desde o nº 1. De seu nome Marta Rodrigues respondeu-me prontamente, aliás, neste aspecto não tenho tido qualquer problema.

    O que se passa é que já enviei e-mail a pedir esclarecimentos, disseram-me que o atraso era devido à empresa encarregue das entregas. Ok, eu esperei até ontem, então envio novo email e hoje recebo a resposta com um pedido de desculpas e que o envio ainda não tinha sido feito, que iria tratar desta situação o mais rápido possível…ok ok, vamos a ver.

    Eu só vi o nº 3 e gostei, nada de muito especial até porque sou mais programador do que propriamente designer, no entanto acho que devia de apostar até para a referências para futura empresa e até no meu posto de trabalho actual.

    Enfim, espero que esta história não se torne odisseia porque senão estão feitos, DECO, IC e outras entidades em cima deles…

    Cumprimentos a todos.

  14. Olá a todos! Hoje liguei para a Web Designer e disseram e passo a citar: “No seguimento de uma re-estruturação da nossa editora vimo-nos obrigados a interromper o lançamento da revista Webdesigner nos meses de Maio, Junho e Julho, que vamos retomar na última semana do presente mês de Agosto.” fim de citação. Supostamente, todos os assinantes, deveriam ter sido comunicados deste acontecimento através de e-mail (será que alguém foi?)… entretanto ficaram comprometidos de enviar a próxima edição da revista (número 4) no final deste mês ainda, ou ínicios de setembro… Resta saber se será mesmo enviada… Cumprimentos

    GM

  15. Ora muito bem…amanhã vou fazer um telefonema a “assustar”.

  16. Eu fiz por e-mail mas como não resultou hoje decidi fazer a reclamação vai telefone… assim não há desculpas de e-mails não recebidos…

  17. Mantenho a pergunta, alguém recebeu alguma vez as ofertas das assinaturas?

    Quem recebeu revistas, quais recebeu?

    Por aqui já tentei várias abordagens e vou deixar de tratar do assunto directamente.

  18. Ainda não recebi nada de nada e a paciência está-se a esgotar…é sempre a adiar com desculpas mas eu é que estou a ver o dinheiro da assinatura por dois anos a voar sem nada em troca!

    Estão a arranjar problemas e em seguida a este comentário vou tomar uma atitude ofensiva, com DECO e IC em cima deles…veremos como se vão desenrascar.

  19. Pois, aqui também a assinatura de maior número.

    Gostava de ter a noção se é uma situação geral, infelizmente, parece-me que sim…

  20. Epá, eu quando fiz a minha assinatura a unica promessa era receber 10 números… chegaram 3, e o 4º que deveria chegar no inicio de setembro ainda está por chegar… enfim, sem comentários….

  21. O Instituto do consumidor e a DECO já foram notificados…breve novidades, estas entidades já me ajudaram noutras duas situações e super positivamente!

  22. Não falo da mesma revista, mas em relação à iCreate, do mesmo grupo… Assinei 12 números em Agosto deste ano por e-mail, as respostas foram muito rápidas e tudo o resto… O problema foi… Prometeram-me que recebia as revistas até 14 de Agosto. Até hoje aguardo a encomenda… Ou um e-mail de resposta que seja.

    Vou-me dirigir à DECO igualmente, mas julgo que os 30€ já não vejo…

  23. No dia 28 de Agosto recebi este e-mail da editora:

    “Boa tarde,

    desde já as nossas sinceras desculpas pela ausência de informação.
    A editora, esteve durante os últimos meses em restruturação o que nos impossibilitou, por este mesmo motivo, entrar em contacto com os nossos assinantes. Situação que já está resolvida.

    O motivo de não ter recebido, até ao momento nenhuma edição, deve-se ao facto da publicação ter estado parada nestes últimos meses. Retomando o arranque da editora, prevemos a saída do exemplar número 4 para o mês de Setembro.

    Em relação à sua factura, irei informar o nosso departamento financeiro e faremos o envio com a maior brevidade possível.

    Mais uma vez as nossas desculpas.

    Alguma questão não hesite em contactar.

    Com os melhores cumprimentos,

    Marta Rodrigues”

    o que é certo é que passado quase 1 mês, nem revista nem recibo… é que nem consigo provar que realmente fiz a assinatura… nem sei que valor paguei!

  24. Por acaso alguém tem conseguido ligar para o número das assinaturas para reclamar? É que já tento à uns dias e dá sempre sinal interrompido… Parece-me a mim que é propositado.

  25. Eu já não tento há coisa de um mês… mas devia lgar para lá para saber se a revista deste mês vem de muletas…

  26. Alguém tem novidades da dita revista? Seja a recepção do número 4 ou de contactos com a editora? Abraço

  27. Eu não… continuo a tentar telefonar, já mandei mails para quase toda a lista de contactos da revista, e NADA. Já não sei bem o que fazer.

  28. Ando em conversações com a DECO, aguardem novidades. Acrescento ainda que enderecei-os para este endereço, para verem como a situação se encontra não só comigo, com todos!

  29. Diogo muito obrigado… Mas como é vou provar que, realmente, fiz a assinatura se até hoje nunca recebi o recibo?

  30. O recibo foi algo que pedi também várias vezes e nunca obtive.

    Tenho a prova da transferência bancária e os e-mails da empresa a confirmar a recepção do dinheiro.

    No último contacto com a empresa (telefónico), havíamos estabelecido um prazo até ao final de Setembro para resolução da situação (devolução do montante pago), claro que, até à data nada foi feito.

    Caro Diogo Almeida, agradeço as diligências feitas e aguardarei novidades, nem que seja, o próximo passo que a Deco aconselha…

  31. Eu paguei via PayPal, tenho a nota de pagamento do mesmo e ainda a confirmação via e-mail da pessoa responsável pelo caso, lá na pseudo-editora ou que seja…
    Portanto, tenham calma, tudo se resolverá via legal.

  32. Não tens nenhum email a confirmar o pagamento e/ou posterior envio, quer dizer, suposto envio?
    Pelo menos alguma troca de mensagens com eles para que transpareça o facto de que de facto iriam enviar a revista.

  33. E-mail tenho… de resto não tenho mais nada… eu fiz a minha assinatura in loco na altura da apresentação desta na vobis do colombo…

  34. Boas.
    Também fui burlado por esta empresa. Paguei assinatura de um ano e até agora nada. Como vi o tempo a passar pedi que me devolvessem o dinheiro. Naltura um tal Ricardo Franco respondeu-me o seguinte:
    “Pedimos desculpa antes de mais pelo atraso com que respondemos ao seu contacto mas por motivos de re-estruturação da editora não nos foi possível prestar o serviço a que os nossos assinantes têm direito.
    Os nossos serviços de assinaturas foram alterados e começarão a funcionar na próxima 2ª feira dia 30 de Junho, assim como reataremos o lançamento da revista.
    Posso o informar em primeira mão de que lançaremos a edição nº 4, a primeira que subscreveu na sua prezada assinatura, na 2ª semana do próximo mês de Julho pelo que será enviado o seu exemplar antes mesmo da revista sair para as bancas.
    O comando Logitech a que tem direito será enviado sensivelmente na mesma altura.
    Pedimos-lhe por favor a sua compreensão e tudo faremos para que no futuro a revista Webdesigner vá de encontro às suas pretensões e que o projecto não sofra outro interregno.
    Ao seu inteiro dispor para qualquer esclarecimento ou informação adicionais que entenda necessários despeço-me com os melhores cumprimentos.”

    Farto de esperar meti a DECO ao barulho e esta já contactou a empresa. Fiz a assinatura em abril. Responderam à DECO que me devolviam o dinheiro em 11 de agosto e até agora nada. Voltei a contactar a DECO e esta entrou novamente em contacto com eles. Até agora nunca mais tive respostas.
    A DECO aconselha-me a esperar.
    Hoje mandei novamente email para os contactos todos da revista e ameacei com denuncia à PJ. Acho que se todos fizerem o mesmo eles levaram no pelo.
    Vamos aguardar…

  35. Ainda hoje falei com um amigo que assinou a “irmã” iCreate e também ele não tem recebido nada… e Ricardo, o email que recebeu da dita revista é igual ao que recebi há cerca de 2 meses…

  36. Quando escrevi, em Dezembro de 2007, sobre o lançamento da revista, estava longe de imaginar os desenvolvimentos que descrevem aqui na caixa de comentários e a postura altamente reprovável da editora. Espero, sinceramente, que todos os prejudicados sejam ressarcidos e que os (ir)responsáveis sejam punidos.

  37. O que me chateia mais não é a revista chegar com 5 meses de atraso em relação à original, nem com este “suposto” atraso. O facto de uma empresa se remeter ao silêncio sobre as suas revistas ao mesmo tempo que publicita cursos de formação profissional via e-mail é que é deveras vergonhoso… Para pedir mais dinheiro aos clientes estão aí, de resto ninguém sabe nada deles…

  38. Eu realmente recebi esse email da formação. Sem comentários. Deviam ter vergonha.
    Quem nao fez queixa à DECO que o faça ou a outras entidades competentes. Como eu já vi que há mt gente na mesma situação e se todos ficarem calados eles só ficam a ganhar.

  39. Recebi resposta da iCreate graças à minha ameaça com a PJ mas não me agradou…

    “Pedimos desculpa antes de mais por só agora respondermos ao seu contacto, de facto a reestruturação da editora não permitiu a continuidade da revista Webdesigner no entanto propomos, se assim o desejar, a transferência da sua prezada assinatura da Webdesigner para a revista iCreate também editada por nós e cuja edição nº 14 sairá no inicio do próximo mês de Novembro.
    Ao seu inteiro dispor despeço-me com os melhores cumprimentos.”

    Por isso que assintou a revista como eu provavelmente diga adeus ao dinheiro ou então que faça queixa como eu ando a fazer a ver no que vai acabar.

  40. “Quem anda à chuva molha-se”, estes não vão ser excepção. Fiz um ultimato, aguardo até sexta, depois tomo as rédeas ao jogo e veremos que ganha…

  41. Bem, não esperava uma resolução tão rápida e já estava a tomar certas diligências, contudo eis a resposta passado uns escassos minutos:

    “Boa tarde Diogo,

    Quando assinou e quantas revistas recebeu? Qual o valor que pagou? Envie o seu nib e procederemos à devolução do valor.

    Cumprimentos,

    Joaquim Bandeira”

    O meu caso está resolvido. Enfim…

  42. Não lances foguetes antes da festa… Tb meti a DECO ao barulho, eles disseram-me que me devolviam o dinheiro e até hoje nada… Já agora Diogo, a revista em causa também é a Web-designer? Para quem mandaste email?

  43. Sim é a web-designer. Enviei o email para todas as pessoas da revista e também uma cópia para entidades como DECO, Direcção Geral do Consumidor, a minha advogada e para um amigo que tem um certo cargo numa das autoridades da lei…
    Quis resolver isto a bem senão acho que já me estava a deslocar para tribunais e afins, dei um ultimato até sexta, veremos, na resposta foram extremamente rápidos, veremos no mais importante…

  44. Nova resposta deles…

    “Boa tarde Ricardo,
    Quando é que assinou a revista, por quanto tempo, qual o valor que pagou e de que forma?
    Até já,
    Joaquim Bandeira”

  45. Este Joaquim Bandeira, segundo vi no site é o Director…

  46. Esta história é um cumulo! eu sei lá quanto é que paguei… não tenho recibo… e já passou quase 1 ano desde que fiz a assinatura…

  47. Nova resposta:

    “Claro. Vamos proceder à transferência entre hoje e amanhã e envio-lhe comprovativo.

    Desculpe o trantorno.
    Joaquim Bandeira”

  48. Ricardo, por acaso não me arranja o contacto desse senhor? obrigado

  49. Esperemos que essa pessoa consiga, de facto, resolver a situação.

    Já, por várias vezes, tinha chegado ao ponto de me pedirem o NIB para me devolverem o dinheiro, mas apesar de o ter fornecido mais do que uma vez, nunca recebi nenhuma transferência.

    Por isso, agradeço a informação, será mais uma tentativa.
    Peço, a quem receber o dinheiro, o favor de postar aqui.

    Obrigada e boa sorte a todos.

    (Obrigada, também, ao autor do blog que nos tem hospedado.)

  50. Então, alguém teve novidades? Eu ainda não. Vou esperar até amanha sexta feira para ver se me fazem a transferencia. Mais alguem teve resposta do tal Joaquim Bandeira.

  51. Eu hoje tentei, sem sucesso, ao longo do dia ligar para a editora… sempre sinal interrompido… amanha tento novamente…

  52. Voltei a mandar email pois nao havia sinal de dinheiro como prometido. Eis a resposta:
    “Ricardo, pode enviar-me o seu NIB, facilita-me o processo para não ter que procurar no extracto do nosso banco.
    Até já,
    Joaquim Bandeira”

  53. Eu continuo a tentar a minha sorte em troca de e-mails com o tal Director, vamos lá ver se tenho sorte. O mais engraçado é que o meu caso nem foi assinatura, foi ter pedido 10 números antigos da iCreate, supostamente já impressos e tudo… Portanto isto tem vindo a ser uma bola de neve com desculpas esfarrapadas… Como vocês dirigi-me à DECO, e já ameacei igualmente com PJ. A ver vamos… Ricardo, depois diz-me se sempre conseguiste reaver o dinheiro ou se foi mais um joguinho por parte deles.

  54. Eu liguei para eles na sexta e pediram-me para enviar o nib por mail… vou aguardar até meio da semana… depois volto a ligar para ver o que se passa…

  55. Gonçalo Martins, que ligaste para que número? Eu tenho tentado o de assinaturas e está sempre, mas SEMPRE interrompido.

  56. Ana Matias, liguei para este número: 21 423 53 90

  57. Alguém tem novidades? Eu não, acho que a cena de pedir o nib foi bluff. não sei que faça mais.

  58. Eu mandei mail e nada… agora nem atendem o tlf… se morasse em lisboa ia à editora…

  59. Também não me responderam aos e-mails e não me atenderam o telefone… Também já não sei o que fazer. Provavelmente vou-me mesmo descolar à PJ.

  60. Se vão à PJ o melhor é ir um grupo de pessoas, para eles verem que não é apenas uma pessoa a querer vingar-se da empresa. Se for um grupo maior de pessoas com provas começa a ganhar um contornos de burla.

  61. Pois… e para quem não é de Lisboa, como é o meu caso?

  62. Mm assim acho dificil haver mta gente no distrito de leiria assinante da revista…

  63. Eu tenho uns contactos na sic noticias… será q podemos usar a tv… é q geralmente resolve td… lol

  64. Eu sou do norte do país. Realmente a solução mesmo é a PJ. Não ha ninguem q tenha nenhum advogado/a conhecido!? Que possa dar umas dicas sobre este caso!?

  65. O meu pai tem vários amigos que são advogados… hj falei com ele e ele disse-me q se devia escrever uma carta para a revista e dps fazer queixa na deco e pj… tv podiamos escrever tds para a revista e dps enviarmos uma queixa conjunta para a deco e pj, n sei…

    O meu problema n é o preço que paguei pela assinatura mas sim a falta de honestidade da editora… é isso que me faz querer levar isto para a frente…

  66. Pingback: diário de bordo

  67. Eu sou sócio da DECO, a deco ja comunicou várias vezes a empresa. na 1ª vez eles responderam e disseram q devolveria o dinheiro, isto em agosto. voltei q contactar à DECO e deu a entender que não podia fazer mais nada.
    A minha sugestão era reunir o nome de todas as pessoas burladas, enviar novamente um email a estes gajos com cc para todos os lesados, a dar um prazo limite a esta empresa, caso contrário entravamos com queixa contra eles em todos os meios possiveis. PJ, DECO, jornais, televisão, revista exame informática, etc…
    Acho que eles ainda não estão convencidos que a gente irá para a frente com estas queixas por isso é que não estão a ligar nada aos nossos emails.
    Eu paguei 70 e tal euros e mt provavelmente ficarei sem eles mas tb quero fazer todos os possiveis para que esses burlões sejam desmascarados mediante a sociedade.

    O último email que recebi da empresa foi no dia 10/10/08 pedindo o meu nib. Até agora nada de dinheiros…

    Muito sinceramente acho q não devemos deixar passar da próxima semana.
    Sugiro que um de nós escreva o email. Alguém que tenha jeito para isso :)

    Aguardo comentários ao meu post.

  68. Realmente é pena ver que em Portugal ainda se continua a brincar com coisas sérias e a abusar com os leitores/subscritores, da boa fé das pessoas.
    Força com as reclamações à DECO.
    Isto de montar um negócio e meter o dinheiro do pessoal ao bolso é que não pode ser.
    Incrível!

  69. Ainda bem que não renovei a assinatura da iCreate.

    Já estava mesmo a ver o “andamento”. Com tangas de tipografia com falta de papel a fins.

    Ligaram-me várias vezes para renovar, com ofertas e tudo.
    Depois venho a ler na ML que os “brindes” nunca chegavam. As edições cada vez atrasavam mais.
    Deixei acabar a assinatura e foi o melhor que fiz.

    Boa sorte para os lesados e não deixem de fazer valer o que de direito têm.

  70. Meus amigos. Apos mts emails e ameaças mandaram-me hoje o comprovativo da devolução do meu dinheiro.
    Agora vou esperar uns dias para ver se deu realmente entrada do dinheiro.
    Se assim for fico mt contente pois valeu a pena o esforço. Agora boa sorte para todos vocês..
    Depois confirmo se realmente deu entrada o dinheiro ou não.

  71. Bom dia pessoal.
    Confirmo a recepção do dinheiro. Desta já me safei.
    Boa sorte para todos vocês. Alguma coisa que precisem disponham…

  72. Pois é Pessoal,

    Deêm caça a esses bandidos e façam-no em conjunto que se safam melhor.

    “take care It´s a jungle out there”

  73. Boas,
    eu também fui mais um lesado por esses burlões. Contudo enviei apenas dois emails, dos quais me responderam a um que já foi à alguns meses. Fui deixando isto passar sem nada fazer, mas também estou revoltado, pois nem sequer uma edição recebi. Vou tentar contact-los e pressioná-los. Qualquer novidade comunicarei, façam o mesmo.
    Até Breve e boa sorte para todos

  74. Boas. Foram-m enviadas 2 revistas apenas. Liguei em fim de agosto e disseram-m que tiveram alguns problemas mas que iriam colocar no mercado o proximo nº no fim de setembro. VIGARISTAS.

    Na sei bem o k fazer. Tentei ligar mas ng atende e um dos nºs ta sp ocupado.
    enviei agora um mail. Não pude ser mais directo. S não me responderem vou pra DECO e posteriormente à PJ.

    S quiserem fazer queixa à PJ em massa, contem comigo. Sou do Porto.

    Ate breve.

  75. Mais alguém teve sorte em obter a devolução dos €’s ??

  76. Nope… nada!!! Nem aos mails respondem nem aos telefonemas…

  77. Enviei um e-mail para os contactos Web-Design de lá não obtive resposta nem aos telefonemas nem aos e-mails. Agora tentei a minha sorte (através de e-mail) para os contactos da iCreate (visto que são as mesmas pessoas) mas tb.. continuo sem “sorte”. Para a semana vou tentar por telefone se não me disserem nada! Obrigado pelo feedback pessoal!

  78. É de lamentar, pensei que o meu caso era único! Pois bem, eu fiz a assinatura da “icreate” paguei 71,88€ com promessa de 20 edições e um comando qualquer da Logitech. O facto é que até hoje julgo ter recebido apenas 2 revistas e de “comandos” NADA. Já enviei emails e telefonemas para números (21 423 53 90 e 21 423 53 98) que nunca apanhei disponíveis. Será que alguém consegui lidar com esta “gente”? Com a devolução do dinheiro ou pelo menos dos “brindes”?

    Abraço, Pedro

  79. Boas

    E eu a pensar que era só comigo. Assinei a iCreate e na altura corria tudo bem. Até me enviaram os numeros em atraso que eu tinha pedido. Quando lançaram a webdesign ainda tudo corria bem e eu assinei também esta com a promessa de um iPod shuffle. Não só deixei de receber a iCreate com da webdesign recebi 2 numeros e iPod nem ve-lo, claro.

  80. Bem.. Esgotada a paciência… Telefones não funcionam (nem WebDesigner nem iCreate, pois são os mesmos) E-mail’s não são respondidos.. Telefonei à Taguspark dizem-me que a Enjoy não se encontra mais sediada nas suas instalações, nem têm contacto alternativo.. Telefonei à Deco disseram-me que só servem de intermediário entre a empresa e o queixoso (mas se não há contactos válidos vão servir de intermediário com quem?!?). Só me resta então como aqui alguém disse a PJ… Gostaria de saber se alguém chegou mesmo a apresentar queixa na PJ, pois estou tb eu estou disposto a apresentá-la! Um abraço…

  81. Daniel, eu fui o único felizardo até ao momento que conseguir receber de volta o dinheiro. Após mts meses de espera com ameaças eles lá cederam mas pelo que vejo fui o único…
    A DECO chegou a contactar a empresa mas eles não lhes ligaram. Quanto à PJ tb usei essa ameaça mas nunca cheguei a pôr isso em prática.
    Se quiseres os contactos da pessoa que me fez o pagamento eu arranjo-te.

  82. Pois é Ricardo… Se tens contactos válidos eu agradecia bastante que me os pudesses enviar.. Fiz uma pesquisa na Net sobre o nome “Joaquim Bandeira” o director da WebDesigner e encontrei um artigo de um tal “Joaquim Bandeira” que é agora Director Geral de uma empresa de seu nome “Flag” que ministra cursos na área do Design (pode ser apenas uma coincidência ou não mas é o mesmo nome e.. a mesma área) e esta é a única pista que me resta além dos contactos que já não são válidos. Um abraço.

  83. Daniel, o contacto que tinha era o email (joaquim.bandeira@web-designer.pt). Realmente pelo que dizes em relação à empresa Flag td indica que seja a mesma pessoa pois as coincidências são muitas. Eles fizeram-me o pagamento em principios de outubro.
    Só tenho que te desejar boa sorte e segue em frente com a queixa à PJ.

  84. Olá a todos

    Vejo neste momento que a raiva que sinto em relação a estes senhores da ICreate e outras não é so minha.
    Tb fiz uma assinatura de 2 anos da Icreate e até agora so vi 1 edição, já estou como vocês a exigir a devolução do meu dinheiro.
    Tenho provas do pagamento pois enviei cheque e tenho fotocópia do mesmo.
    Vou esta semana mesmo ameaça-los com tudo o que vocês disseram e estou disposto a juntar-me com pessosal de Lisboa para fazer-mos uma reclamação em conjunto na PJ.
    Aguardo contacto de algum interesado.
    Abraços e boa SORTE…….

  85. Eu estou interessado em fazer queixa visto que obter resposta por parte dos responsáveis é impossível! Infelizmente não sou da área de Lisboa, sou do Algarve (Tavira mais precisamente) e gostaria de saber quem é que também está interessado em apresentar a queixa na PJ. E temos de ser céleres ou o mais provável é que estas questões de crimes prescrevam como é normal ouvir na TV. Já coloquei as informações que obtive através de alguma pesquisa na NET em anteriores comentários. Pode servir de alguma ajuda! Um abraço…

  86. Sou de Leiria e como já aqui referi já tentei por todos os meios receber o dinheiro que me é devido mas sempre sem resultados… podem contar comigo para apresentar a queixa à PJ apesar de, sinceramente, achar que não vamos conseguir nada…

  87. Boa noite a todos,

    Como estou a ver que existem mais pessoas interessadas em apresentarmos queixa na PJ, vou informar-me de todos os dados e passos a darmos e logo que possa darei noticias.
    Enquanto isso agradeço que todos os que queiram entrar juntos nisto vão colocando comentários para depois ser mais facil falar-mos.

    Um Abraço.

  88. Estimados Senhores e Senhoras, eu este ano resolvi subscrever a iCreate (longe de saber esta novela) e logo no dia 4 de Janeiro fui ao site e fiz uma subscrição, paguei por Paypal, e não recebi os e-mails “automáticos” a confirmar o pagamento e/ou subscrição. Mesmo assim mandei comprovativo do pagamento.

    Já o mês estava a acabar e nada, nem resposta nem nada, resolvi entrar em contacto.
    Telefones, nem pensar, encontrei um telemóvel (Directora de Publicidade
    Patricia David – Telf. (351) 91 942 14 32) deixei mensagem e nada, mandei mails e mais mails e nada…

    Dia 3 de Fevereiro resolvi agir, como paguei por Paypal, abri uma reclamação, descrevi a situação e pedi que me fossem enviadas as edições em falta ou a devolução do dinheiro.

    Este sistema de reclamação é tipo uma página onde se deixam as mensagens do comprador para o vendedor, fica registado e a Paypal fica ocorrente.

    Passado 6 dias nada… resolvi escalar para reclamação!
    Neste ponto já não há volta a dar, pretendo a devolução do meu dinheiro e agora é que são elas, é o Paypal que toma rédeas. Mediante a minha reclamação com a descrição da situação o Pyalpal já tem resolução, contudo está a dar até dia 19 para a (Enjoy, S.A., joaquim.bandeira@icreate.pt) proceder a uma resposta, caso contrario o dinheiro pago será removido da conta deles e depositado na minha.

    Vejam só como o Paypal está a dar o ultimato a eles:
    Resolution Center – Claim Details
    A claim has been filed against this transaction. The seller’s deadline for responding to this claim is Feb. 19, 2009. If the seller does not respond by the deadline, the claim will be decided in your favor.

    Pois bem, quem pagou por Paypal, tem aqui a resolução.
    Este é um método legal e sem perdas de tempo, eu já utilizei este método para reaver o dinheiro pago por uma encomenda que fiz on-line não recebi a encomenda, mas também não perdi o dinheiro.

    Para aqueles que só podem comprovar os seus pagamentos por mail, é imprimir isso tudo, imprimir uma cópia do site, uma copia da pagina onde dão os planos de assinatura e uma cópia da pagina de contactos, descrever o que fizeram para a assinatura e o que pretendem, vão à PJ tomem nota do N.º de Processo e divulguem, para que todas as reclamações sejam feitas com base desse N.º de Processo e para que eles possam interligar as várias queixas e assim actuar conforme a lei.

    PS: Tenho realmente muita pena em ver temas tão importante e muito procurados a serem assim tão fu… fu… formidavelmente estragados!!! Com que olhos vão estes jovens ver estes temas agora ?

  89. Ola Boa Noite. Estimados Senhores.

    Sem conhecimento dos factos, desta empresa ser burlona, eu aderi a revista no mes de fevereiro de 2009, paguei 20 euros por uma assinatura que vai ate 5 ediçoes. Tento contactar para la, telefone interropindo, e-mails, e respostas nada, tentei contacta-los na medida de certificarem o meu pagamento.

    Vistos que esta empresa e uma vigariça e fraude pegada, nao sei que tipos de procedimentos devo tomar.

    aguardo resposta

  90. Caro amigo Diogo Almeida

    Conforme vi em cima efectuou queixa na Policia Judiciaria, agradecia imenso que me envia-se o nº do processo da PJ, para me deslocar a mesma aqui em Lisboa para fazer também a minha.
    O meu email é luishenriquemc@gmail.com e o contacto onde trabalho é 219 898 408 (Pedir para falar com Henrique Correia).
    Aguardo o seu contacto o mais breve possivel ou de qualquer pessoa que queira fazer a queixa junto.

    Um abraço Henrique Correia

  91. Hoje é o dia em que vou ter a minha situação resolvida, vou ter de esperar pelo e-mail de confirmação do Paypal.

    Caro Ruben, relativamente à sua situação, o melhor é ligar para a DECO (Serviço de Informações e Apoio ao Consumidor, N.º 21 841 08 58) Explicar a situação e pedir concelho.

    A resposta que vai obter será mais ou menos a seguinte:
    (foi a que obtive quando liguei a pedir informações)

    Deverá escrever uma carta registada com aviso de recepção, mencionando a situação. Deverá detalhar o processo que teve de fazer para subscrever a revista, quanto e como pagou. Depois deverá estipular um prazo de 10 dias para a entrega da revista e/ou restituição do seu dinheiro. Finalizado este prezo, caso não tenha obtido qualquer resposta (que será o mais provável, visto alguém já ter confirmado que a empresa já não se encontra na dita morada) poderá avançar para queixa crime e de burla agravada.

    Para isso deverá-se dirigir a um advogado ou a umas instalações dos Julgados de Paz [http://www.conselhodosjulgadosdepaz.com.pt/] para pedir ajuda.

    Poderá também e em paralelo se dirigir à PJ e oficializar a sua queixa.

    Espero poder ter ajudado.

    Com os melhores cumprimentos,
    João Pacheco

  92. Boas pessoal mais uma vez.

    Existe no mercado alguma revista em portugues com tuturiais de Programaçao e web designer?

    Ou outras semelhantes?

    Citem nomes. Obrigado

    eu sou assinantes da exame informatica, gostaria de outras vertentes informaticas.

  93. Venho informar a todos que já recebi o meu dinheiro de volta, o Paypal actuou em conformidade com as suas directrizes e procedeu à devolução do meu dinheiro, retirando-o da conta da Enjoy, S.A. e depositou-o no meu Cartão de Crédito.

    Espero que tudo se resolva para todos os lesados.

    Não fiquem de braços cruzados, ajam pelos vossos direitos.

    Abraços,
    João Pacheco

  94. Boas, agradeçam que me ajudem tanto na resolução da restituiçao do respectivo dinheiro que paguei pela assinatura de 5 ediçoes e como de novas revistas de web designer com tuturias.

    adicionem: orbital.fm@hotmail.com

  95. Olá a todos! Tal como muitos voces tambem fui lesada, assinei 12 edições a revista webdesigner e até agora só recebi 2 numeros, tendo sido o último em abril do ano passado. Estou mesmo a pensar apresentar queixa, e fazer alguns dos procedimentos que muitos vocês já tomaram. Deco, PJ…etc

    Cumprimentos,

    Raquel

  96. Boa noite, tal como vós, e já anteriormente referido, fui burlada na assinatura da iCreate. Pela DECO não consegui nada, por isso também me vou dirigir à PJ mais próxima. Digam-me só uma coisa, que documentos devo levar à PJ? Só tenho emails impressos em que eles dizem que receberam o dinheiro e etc, isso chega?

    Muito obrigada,
    Ana Matias.

  97. É bom saber que não estou sozinho nesta luta… Mas pergunto eu… Alguém já apresentou queixa na PJ ?!

  98. Boas pessoal mais uma vez.

    Existe no mercado alguma revista em portugues com tuturiais de Programaçao e web designer?

    nomes de revistas web designer que sejam uteis, a explicar a utilizaçao de programas em programaçao, ou alguem que faça uma copia do Nº3 da web designer?

    Citem nomes. Obrigado

    eu sou assinantes da exame informatica, gostaria de outras vertentes informaticas.

    o meu e-mail: ruben.anjos@sapo.pt

  99. Pingback: diário de bordo

  100. Também estou na mesma situação, mas paguei por 2 anos… enfim…

  101. Só lamento não ter visto este “diário de bordo” antes de fazer a assinatura… Hoje assinei a revista “Web Designer” e no momento da transferência algo me dizia que isto não ia dar certo… por isso estou aqui a pesquisar… e encontrei tantas outras pessoas a reclamar da revista.
    Como vão os processos? Sempre apresentaram queixa? Só o Ricardo recebeu o dinheiro de volta? É um orgulho ser português… com burlões assim… Enfim…
    Podem ter a certeza que não assino nenhuma revista tão cedo…

    Daniel, já recebeste alguma resposta??

    Qualquer novidade por favor comuniquem.

  102. Admira-me é esses sites ainda estarem online a burlar as pessoas!!!

    http://www.web-designer.pt/
    http://www.icreate.pt/

    Mas será que a Lei não faz nada ? ou melhor, as autoridades não fazem nada pelos lesados ? Afinal pagamos os impostos para quê ????

    Até dá vontade de comprar esses domínios e fazer alguma coisa como deve de ser, nem que fosse um Forum. Já é hora de esta palhaçada acabar de uma vez por todas.

  103. Pois é João, concordo contigo. Eu vou esperar mais uma semana e se realmente não entrarem em contacto comigo nem eu conseguir falar com eles, vou logo à Polícia.
    Esses sites têm mesmo de ser apagados ou substituídos por outro conteúdo, porque neste momento já não têm razão de existir… São apenas motivos para enganar mais e mais pessoas, como eu e tantos outros…

  104. @ Rubina Freitas

    Eles nunca irão entrar em contacto consigo!

    Eu esperei bastante tempo e tentei sempre entrar em contacto com eles por mail, telefone, telemóvel e nada.

    Daí eu ter recorrido ao apoio do Paypal, pelo qual eu fiz o meu pagamento e foi assim que reavi todo o meu dinheiro.

    Recomendo entrar em contacto com a DECO ( 808 200 145 ) e pedir informações de como deverá proceder legalmente para depois passar Às vias judiciais. É o único meio a seguir.

    Com os melhores cumprimentos,
    João Pacheco

  105. Obrigado Ricardo, vou então recorrer à DECO para ver o que posso fazer.

    Eu infelizmente não fiz o pagamento através do paypal, fiz mesmo por transferência bancária… Enfim…

    Estes burlões têm de pagar pelo que estão a fazer… não podem sair impunes de tudo isto!!

    Cumprimentos

  106. Bons dias…
    Venho só informar como ficou o meu processo.
    Dirigi-me à DECO e lá encaminharam-me para um inspector da PJ. Por sua vez quando expliquei a situação ao inspector ele apenas informou-me que eu poderia apresentar queixa, que tenho 6 meses para isso, mas que vou despender muito mais do que 20 euros com todo o processo (falou em 100 euros para cima…) e que por isso devia pensar se queria mesmo avançar com a queixa.
    Que vou eu fazer?? Sozinha não me meto nisto. Se todos nos juntássemos e então dividíssemos os custos, aí ainda era uma hipótese, porque burlões como estes não devem continuar a sair vencedores…
    Bom, espero que mais ninguém caia no mesmo erro que nós.

    Cumprimentos

  107. Infelizmente ontem efectuei o pagamento. E em virtude dos contactos telefónicos da Enjoy estarem off, começei a ficar preocupado, e de facto já constatei o pior….fui mais um dos burlados…..

  108. Se alguem quiser seguir para as vias judiciais, contem comigo s.f.f

  109. Olá Carlos. Isto é uma autêntica bola de neve, parece incrível!
    Lamento teres sido mais um dos burlados (junta-te ao clube… ).

    Já deves ter reparado na quantidade de pessoas que caiu nesta burla… Sabes que caso tenhas pago por paypal estás safo… podes reclamar. No meu caso nem a DECO me pôde ajudar… mandaram-me logo para a PJ…

    Como deves ter visto o meu post, os custos para apresentar queixa são relativamente elevados… coisa que não faz qualquer sentido… mas adiante… Acho que não será fácil abrir uma queixa quando estamos em zonas diferentes, penso eu, e se iria compensar o valor da queixa com o que está em causa (no meu caso 21 euros)…

    Cumprimentos

  110. Pois no meu caso foram 83€ e paguei por transferência bancária…
    Infelizmente no nosso país até a justiça nos aconselha a compactuarmos com estas situações, e limitarmo-nos ao silêncio. Contudo no caso de ganhar o processo, quem paga as custas serão eles e não eu…. E de certeza que não irei ganhar apenas os 83€….
    Contudo vou informar-me melhor junto de advogados amigos…
    Em breve entrarem em contacto…

    Irei também tentar criar furor na imprensa nacional através dos “Nós por cá” pois é uma empresa de nome (e eles gostam disso), e enquanto este assunto não estiver na praça pública eles conseguem intimidar as pessoas, tendo a lei do lado deles, aconselhando-as a não avançar com um processo de queixa-crime…

    Cumprimentos

  111. Caros amigos.
    A caixinha de Pandora já se abriu…..
    Já tenho em minha posse um breve historial acerca da personagem Sr. Joaquim Bandeira e da sua carreira professional…e das várias empresas que abriu e fechou. E outras pela qual passou….
    Para quem ainda não sabe, a revista faliu em julho de 2008 (a própria distribuidora confirmou. A empresa que agora está sediada na antiga morada em Paço D’Arcos confirmou a mesma situação.
    Informo também que hoje já fui contactado pelos media para saberem dos primeiros promenores….

    O silêncio não vai esconder esta fraude…

  112. Que boas notícias Carlos, esperemos que a mensagem passe e se faça alguma justiça!

    Força e bom fim-de-semana!

  113. Se for preciso dar o meu nome, dá! Fui um dos burlados e já contei as coisas mais acima.
    Mas ele não se vai ficar a rir, hoje em dia tudo se sabe, incluindo onde anda…e pode receber os homens de fraque de um momento para o outro. Ameaça? Não sei, ele que leia isto e tire as suas próprias conclusões…só tenho de pagar as viagens de comboio até lá abaixo.

  114. O Sr. Joaquim Bandeira é actualmente dono da Creative Station (cursos de formação profissional na área das artes gráficas), com instalações no Edifício Mar do Oriente, Alameda dos Oceanos 1.07 1P 1.1 no Parque das Nações – Lisboa. O telefone da empresa é 211914393 e o tlm do Sr. é o ***** [apagado pelo autor do blog].

    Boa Sorte

  115. A última vez que consegui falar com alguém da web-designer foi a Directora de Publicidade, Patricia David, Telf. ****** [apagado pelo autor do blog], foi já há bastante tempo.

    Tentei várias vezes até que me atendessem, a Srª em questão, diz já não pertencer à empresa.

    Quanto ao número de telemóvel que deixaram desse Sr., até à data não consegui estabelecer ligação.

    Chegou a haver um contacto com os media? Falaram na Sic, alguém chegou a contactar?

    Obrigada.

  116. Bom Dia a todos,
    Somos da THE-EDGE, um centro de FORMAÇÃO DE IMAGEM DIGITAL, nas áreas de WEB, GRAPHIC, 3D, entre outros, e curiosamente assinámos em Agosto de 2008, a revista Web Designer.

    A THE-EDGE tenta disponibilizar aos seus alunos publicações dentro da sua área de ensino… e é por esse motivo que está igualmente na lista dos burlados pelo Sr. Joaquim Bandeira).

    Após análise de todos os comentários aqui expostos, qual não foi o nosso espanto quando descobrimos (por Carlos Espada) que a nossa assinatura, foi posterior à falência da mesma. Depois de muitos e-mails, telefonemas e pedidos de devoluções, até hoje não obtivemos nenhum feedback (por mais pequeno que fosse).

    Mas o mais interessante foi quando descobrimos que o Sr. Joaquim Bandeira era o dono da revista, que por sua vez foi também dono da Flag e actualmente da Creative Station… Concordamos com Gonçalo Martins, quando diz que pior que não receber as revistas (e perder o dinheiro) é o silêncio e a indiferença da empresa…

    Paralelamente, o que é curioso, é que a Creative Station (Joaquim Bandeira) continua no activo e diariamente somos entupidos via e-mail com publicidade aos cursos de formação.

    Para quem esteja dentro do meio (Publicidade, Formação, Lojas de Design, etc…), as fraudes do Sr. Joaquim Bandeira, não são de todo desconhecidas! Por isso consideramos muito importante que continuem a manifestar o vosso desagrado e que caso algum dos lesados já disponha de nº de processo da PJ, divulguem-no.

    Para ajudar à queixa, podem sempre consultar no site das finanças, a situação actual do Sr. Joaquim Alberto da Silveira Rebelo Bandeira, apenas no que consta às dívidas com o ESTADO (impostos, etc.), porque em relação às dívidas que tem com empresas e particulares, só existem queixas (http://www.efinancas.gov.pt/de/pubdiv/pdf/listaFS4.pdf).

    Deixamos aqui uma questão para todos reflectirem: Como é que alguém com dívidas ao estado, consegue abrir empresas, revistas e lojas, continuando a burlar, cada vez mais?

    Obrigada e boa sorte a todos.

  117. Caríssimos:

    Acho gravíssimo que a WebDesigner continue a aceitar assinaturas e, dessa forma, a burlar consumidores. Não conheço nem pessoal, nem profissionalmente, nem os editores da revista nem as pessoas que estão a produzir os comentários mais duros.
    Não tenho moderado os comentários porque, no início, me pareceu útil manter um espaço em que as pessoas afectadas pudessem conjugar esforços e partilhar informação.
    O rumo que os comentários estão a tomar, recentemente, poderão obrigar-me a mudar de estratégia.
    Agradeço moderação da parte dos leitores, para não ter que intervir nessa qualidade.

  118. Caro Joao

    Que eu saiba a Web designer não continua a aceitar assinaturas.

    E acho que as difamações deveriam ter sido controladas desde o inicio.

    Eu por mim retiro-me, e desculpem por ter dado a minha opinião!
    Cumprimentos

  119. Maria: Verifiquei agora que, de facto, o site da revista WebDesigner já não está online. Mas esteve até há bem pouco tempo. É uma boa notícia que me dá.
    Quanto ao controlo das difamações, o que é que podia fazer? Compete-me a mim verificar a veracidade das acusações feitas? Saiba que todas as tentativas de contacto com a revista e o seu drector não tiveram nenhum tipo de resposta. E foram várias.

  120. Caro João

    Obrigado pela sua resposta. Só uma pequena nota os 150 comentários neste diário são sempre das mesmas 20/ou 30 pessoas. Algumas já receberam a devolução do dinheiro.

    Se a venda de assinaturas tivesse sido um sucesso, certamente a revista não tinha ido à falência.

    Cumprimentos

  121. João Martins, este blog e mais propriamente todo o historial de comentários poderá servir para o futuro, calma…

    Maria: eu NUNCA vi o meu dinheiro após muitas, mas mesmos muitas tentativas. Tenho todo o historial de emails trocados directamente com o Sr. Bandeira, chegou a pedir o NIB, forneci e até hoje, NADA!
    Eu comento desde inicio e sou lesado desde inicio, fui um dos primeiros a assinar a revista e nunca vi uma sequer!

    Tenho toda a legitimidade de chamar ao sr. e à editora: LADRÕES, BURLÕES, GATUNOS e outros nomes mais.

  122. Tenho vindo a acompanhar todo o historial, contudo já recebi o meu dinheiro de volta, pois paguei por Paypal e depois de todas as tentativas de contacto via telefone, carta e mail terem sido nulas, depois contactei a DECO e nada puderam fazer e por fim apresentei queixa directamente ao Paypal que em tempo útil me devolveram o dinheiro. Recomendo a todos os que pagaram via Paypal procedam à reclamação via paypal.

    Relativamente aos comentário que aqui se vêm é somente sobre um pagamento feito do qual não obtiveram o retorno. Seja qual for o valor, tudo a acumular dá uma grande fatia, não é ?

    O site da Web design já não se encontra online, MAS… o site da iCreate sim: http://www.icreate.pt/ este é do mesmo e continua a aceitar inscrições, BURLA CONTINUADA !!!

    Se nos enganamos nos impostos o estado vem logo cobrar tudo e mais alguma coisa, mas se há alguém a roubar descaradamente e comprovadamente o estado não faz nada… o site ainda está online, como é possível ?

    Se fecham sites por terem links/torrents/etc que lesa terceiros, este ainda está online lesando pessoas e empresas directamente!
    Onde está a justiça?

    Sem contar com a má imagem que deixa para outras empresas que possam vir a surgir!

    Os comentário são pedidos de ajuda, desabafos descontentes e aqueles ou aquelas que vêm deixar palavras de defesa… é sempre de desconfiar.

    Aqui vêm parar as pessoas que procuram na net alguma informação depois de terem ficado sem o dinheiro da subscrição das revistas, alguns se calhar nem aqui escreveram ou nem aqui vieram parar por falta de conhecimento, mas os poucos que aqui escreveram são pessoas que pagaram, e a pergunta final que essas pessoas fazem, é ONDE ESTÁ O MEU DINHEIRO?

  123. O site não está activo nem continua a aceitar inscrições.
    O senhor jä recebeu o seu dinheiro.

  124. @ observador 2

    Sim, eu já recebi o meu dinheiro de volta, fiz por isso!
    E não me tenho de contentar só por isso, ainda há muita gente que que ficou sem o dinheiro, e dá que pensar… onde está dinheiro?

    Nota: o site iCreate ( http://www.icreate.pt/assinaturas/ ) ainda está online e a aceitar assinaturas!!! lindo não ?

    Eu já tenho o meu de volta, mas quem não o tem, não fiquem pelo “se fosse mais perto”, “só não me quero chatear”, “um dia” … pois é assim que ele se vai safando e o dinheiro vai caindo!!!

  125. Caríssim@s tod@s:

    Isto não é um fórum. É uma caixa de comentários dum artigo de 2007 deste meu blog pessoal. A gravidade da situação relatada inicialmente justificou uma enxurrada de comentários e terá permitido inclusivamente a alguns dos lesados organizarem-se e trocarem informação útil para fazerem valer os seus direitos como assinantes da revista Web-Designer. Mais recentemente, isto começou a tornar-se uma espécie de novela mexicana, com um enredo fraquinho e muitos actores parecidos entre si e quer-me parecer que ninguém é quem diz ser e estão todos demasiado próximos dos protagonistas na vida real.
    Reservo-me o direito de, em qualquer altura, fechar esta caixa de comentários (o que seria a primeira vez neste blog) e apagar os que me pareçam menos próprios. E estou disponível para ser contactado directamente por qualquer dos visados, por forma a esclarecer cabalmente e, sem anonimatos cobardes, algumas das graves acusações e insinuações de carácter pessoal que têm sido feitas.

  126. Vou fechar a caixa de comentários neste artigo, uma vez que não me parece que se ganhe seja o que for com a actual troca de galhardetes.
    Repito o que já disse: se algum dos envolvidos quiser acrescentar alguma coisa ou se sentir lesado pela publicação de dados pessoais nesta sequência de comentários, agradeço que entre em contacto directo comigo, identificando-se e explicando as suas razões.
    Pessoalmente, estou enjoado.

Os comentários estão fechados.