Um fim-de-semana sem internet

Há gente que talvez achasse que seria impossível ou, pelo menos, doloroso para um tipo como eu. Mas não foi.

Foi até pacífico e relaxante. E intencional, apesar de tudo: não havia wireless nem no Hotel, nem no Centro de Artes, mas, mesmo ao lado, havia no Instituto Politécnico. E também havia um Ponto Internet da Câmara Municipal, com computadores disponíveis. Acabei por preferir estar offline. E acho que me fez bem.

Agora, estou de volta e o mais notório é a pilha de “lixo digital” que se acumulou na minha ausência. :(

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>